sábado, 16 de fevereiro de 2019

DIRETO DA ESTRADA - A 1ª vez a gente nunca esquece (NOVA ZELÂNDIA)


Caros viajantes!

Já tá virando rotina iniciar os artigos explicando porque o blog não anda tão ativo como era antes, mas paciência! O fato é que eu percebi que, mesmo depois de instalado e adaptado à Nova Zelândia, 2 coisas não mudaram nem deverão mudar até o fim do meu longo período nesse país: uma é o número de horas que eu trabalho aqui (muito superior ao do Brasil), e a outra é que eu estou vivendo como um "nômade" - daqui a pouco já vou mudar pra minha 3ª cidade neozelandesa!
Com isso, no pouco tempo livre que me tem sobrado, eu tenho viajado por esse lugar tão incrível e único... E aí, a disponibilidade pra sentar e escrever todo um post novo é praticamente zero! Mas pelo menos, a quantidade (e qualidade) de material que estou acumulando pra colocar no blog futuramente é "assombrosa", e nosso Instagram e nosso Facebook sempre têm sido atualizados com novas fotos, vídeos e pequenos relatos! 😀

Portanto, se você nos acompanha, não estranhe esse intervalo maior que está havendo entre as postagens: é tudo por uma ótima causa, e mais pra frente as coisas voltarão ao normal - mesmo que demore um pouco! 😉

Dito isso, hoje vou falar da 1ª viagem "pra valer" que fiz dentro da NZ: a espetacular Península de Coromandel! 😃

A linda praia de Hahei, de onde sai a trilha pra mítica Cathedral Cove
"Pra valer" porque embora a West Coast, que foi abordada no artigo anterior, esteja um pouco afastada de Auckland (onde eu estava morando), ainda assim considera-se que ela fica na região metropolitana dessa cidade. Além disso, como eu também já havia contado naquele post, pra explorá-la, eu fiz "bate-voltas" a partir de AKL, indo e voltando no mesmo dia.
Desta vez, no entanto, foi diferente: peguei a estrada mesmo, dormi fora e finalmente, depois de 2 meses morando na NZ, pela 1ª vez eu vi o que os próprios nativos chamam de "real New Zealand": aquelas paisagens de filme (literalmente), com uma natureza exótica e exuberante, pelas quais o país é mundialmente famoso... BEM diferente do que se encontra em Auckland, que segundo as mesmas pessoas - e eu concordo com elas - "is just a big city"!

E não tinha como essa "1ª vez" não ser INESQUECÍVEL...

Aquela caverna ao fundo é a Cathedral Cove, que por ter duas saídas, acaba dividindo a paradisíaca praia de mesmo nome em duas! Tirei essa foto no lado norte, já no fim do dia e portanto sem quase ninguém - a menina de costas tinha viajado comigo
Quando você passa da autoestrada que sai de Auckland pra estrada menor que leva à Península de Coromandel, a paisagem muda totalmente e já um sinal claro de todas as maravilhas que estão por vir: ela fica montanhosa, VERDE e extremamente sinuosa - foi meu teste definitivo dirigindo em mão inglesa, porque só fazia 2 semanas que eu estava com o carro e ainda não tinha saído duma zona urbana!
O caminho vai cortando uma floresta muito diferente (que depois eu fui perceber que é comum na NZ), formada principalmente por enormes samambaias e tipos incomuns de pinheiros... Uma mistura inusitada, mas MUITO bonita! 😃

Tirei essa foto já no meio da trilha pra Cathedral Cove, mas ela ilustra bem o tipo de vegetação que predomina em toda a Península de Coromandel!
Na verdade, Coromandel é uma região relativamente grande, sendo que nessa viagem eu visitei seu principal ponto turístico (a Cathedral Cove) e alguns outros lugares, como você pode ver pelas fotos e suas legendas...

Essa foi a 1ª visão que eu tive ao estacionar o carro, depois de 3h de estrada! 😎
Não perdemos tempo e fomos direto pra trilha da Cathedral Cove, que começa no meio de um monte de flores...
... Vai passando por morros à beira-mar e trechos de floresta densa (olha a cor dessa água e esses pinheiros inclinados em 45º!!)...
... E tem alguns mirantes pra você poder descansar e curtir o visual! O caminho leva cerca de 1h30 pra ser percorrido, mas é tanta beleza que você nem sente 😃
Chegamos! Esse é o lado sul da praia. Não estava muito vazio porque era o último fim de semana do break que os neozelandeses fazem entre o Natal e o Dia de Reis
A Cathedral mais de perto, no lado norte da praia. Tirei a foto de abertura do artigo nessa entrada da caverna (sou eu que apareço nela), mas virado pra direção oposta...
... Que é essa aqui! (sou eu ali também 😂)
Essas rochas curiosas que tem por lá também são bem diferentes e muito bonitas, dando mais um toque especial ao lugar...
... A propósito, QUE LUGAR!! Com certeza, uma das praias mais lindas do MUNDO! 😍
Não dá vontade de ir embora de Cathedral Cove! Porém, como não existe nenhuma acomodação perto de lá (ainda bem!), o único jeito de chegar é pela trilha ou pelo mar, e se hospedar em alguma cidadezinha da região. No nosso caso, ficamos em Whitianga, e no dia seguinte fomos conhecer outra atração local: a Hot Water Beach...

... Que sinceramente, eu achei uma bela duma "tourist trap"! É uma praia comum, cheia de gente cavando buracos pra tentar encontrar água quente - como há atividade vulcânica na Nova Zelândia, em alguns lugares os lençóis freáticos são aquecidos. Porém, me disseram que depende muito da maré (não sei qual é a relação), e nesse dia ela estava desfavorável...
... Resultado: as pessoas estavam cavando verdadeiras crateras, debaixo do violentíssimo sol neozelandês (aqui não tem camada de ozônio pra "filtrá-lo"), pra só conseguirem achar um "fiozinho" de água quente... Então eu só entrei num buraco que alguém já tinha feito, tirei essa foto fingindo que tinha cavado, senti a aguinha aquecida nos pés e vazei! Hahaha 😂
Coromandel foi o 1º lugar na NZ que realmente me fez abrir um sorriso de orelha a orelha e pensar "agora sim"... Além disso, essa experiência na "real New Zealand" também acabou influenciando numa decisão que eu já estava bem inclinado a tomar e que pus em prática apenas 1 semana depois: me mudar de Auckland! Afinal, depois desse "aperitivo", eu queria MAIS...

... E eu tive!! Mas isso fica pros próximos posts 😀



••• "Partiu Coromandel"?! Então agora encontre AQUI a melhor opção para a sua HOSPEDAGEM na região! •••



Até a próxima viagem! =)

2 comentários:

Dúvidas, sugestões, críticas, elogios...? Participe comentando aqui! =)