quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

DIRETO DA ESTRADA - O surrealismo praiano da AKL West Coast (NOVA ZELÂNDIA)


Caros viajantes!

Até que enfim! Depois de 2,5 meses morando na Nova Zelândia, hoje estou publicando o 1º de vários artigos que ainda escreverei sobre esse país incrível - e de quebra, este também é o 1º post de 2019! 😃

Como eu já havia explicado antes, mudar de país não é fácil; muita coisa precisa ser providenciada, várias delas tomam bastante tempo, ocorrem imprevistos... E dar conta de tudo isso enquanto você já está trabalhando reduz seu tempo livre a quase zero! Assim, naturalmente acabei não conseguindo dar a atenção que gostaria para o blog (só nosso Instagram e nossa página no Facebook que têm sido mais atualizadas), e até o momento, eu tampouco consegui viajar muito por aqui...
Além disso, a verdade é que Auckland - a maior cidade da NZ e onde eu estava morando até muito recentemente (acabei de me mudar pra Tauranga) - é meio sem graça, e ainda possui algumas coisas desagradáveis... Curiosamente, 100% das pessoas que vão morar lá acham o mesmo! Tanto é que, se você buscar no Google, vai achar um monte de artigos do tipo "Auckland sucks", "Auckland is boring", etc...

No entanto, eu não diria que AKL, como é chamada, é uma decepção completa - e MUITO disso se deve graças às praias da sua SURREAL West Coast! 😃

Uma das prainhas PARADISÍACAS "escondidas" ao lado de Piha
Na verdade, trata-se duma área BEM afastada (mais de 40km do centro e impossível de chegar se você não tiver carro), que apenas fica no que é considerada a região metropolitana de Auckland, mas que já é completamente diferente da cidade em si! Até o mar é outro: enquanto as praias da zona urbana de AKL são banhadas pelo Oceano Pacífico, as da West Coast ficam viradas para o Mar da Tasmânia, que é bem mais agitado e por isso atrai muitos surfistas!

Entre o finzinho de 2018 e o comecinho de 2019, explorei 3 pontos diferentes dessa região específica, dedicando 1 dia a cada um deles, e ainda repeti o último num 4º dia, porque eu estava me mudando pra outra parte do país e, antes disso, queria ver de novo aquele foi o lugar mais sensacional que eu conheci em AKL... Mais detalhes adiante! 😁

Vários anos e países depois, "recriei" a foto dos perfis do CM no Instagram e no Facebook, que foi tirada no Big Sur (Califórnia - EUA)... Dessa vez, em Bethells - Nova Zelândia! Achei uma caverna no litoral, posicionei a câmera em cima da mochila, programei o timer dela, saí correndo e fiz a pose! 😂
Como este é um artigo com mais fotos do que o habitual, não vou ficar me prolongando muito no texto; então, aprecie as imagens e descubra mais sobre a "AKL West Coast" conferindo as legendas! 😉

A 1ª praia que conheci na AKL West Coast foi a mais famosa: Piha, que das 3 que visitei, é a que está mais ao sul e a única que tem um povoado. A estrada fica linda quando vai chegando lá: suas muitas curvas cortam uma serra de natureza deslumbrante, que me lembrou bastante o litoral norte de São Paulo! E quando você pisa na praia, a primeira visão que tem é a da Lion Rock, essa enorme rocha vulcânica que divide Piha em duas...
... E que pode ser parcialmente escalada, proporcionando vistas incríveis!! Essa é North Piha, o maior lado da praia
Mas é do lado sul, cujo limite é a rocha em primeiro plano, que se parte pras prainhas menores e "escondidas" da região... Onde está o MELHOR de Piha!! Resolvi ir além desse ponto por pura vontade de explorar e, quem sabe, achar um canto sem gente...
... Meio arriscado, é verdade, afinal não tinha ninguém indo lá e andar sobre rochas irregulares e escorregadias não é algo exatamente seguro! Hahaha... Mas ao "dobrar a esquina", você se depara com essa PINTURA!! É o mesmo lugar da 2ª foto do artigo, porém num momento em que o céu tinha ficado um pouco nublado - o que realça a areia preta, de origem vulcânica! A propósito, essa é a principal característica região, e devo dizer que ainda que eu prefira areia branca, é um tipo de beleza MUITO diferente e interessante... Um contraste quase SURREAL! 😃
Surpresos e maravilhados com aquela descoberta inesperada, eu e a menina que estava comigo (essa que aparece na foto) resolvemos então continuar indo além das rochas... E não é que achamos OUTRO "mini paraíso"?! 😃
A mesma menina posando na mesma prainha da foto anterior, que tem uma baía quase fechada por duas rochas!
Alguns dias depois, no penúltimo dia de 2018, fui sozinho pra 2ª praia que conheci na West Coast de Auckland: Muriwai. Das 3, é a que fica mais ao norte
Também achei Muriwai bem bonita e diferente, mas no fim, foi a única que eu não considerei "imperdível"...
... Muito por causa da Gannet Colony, que é um local onde essa espécie de ave vive e se reproduz! Sim, olhando é lindo, mas você não tem ideia do FEDOR desse lugar!! Hahaha...
... Se você já foi numa granja, imagine aquele cheiro característico multiplicado por 50, e aí você terá uma noção do que eu estou falando! São milhares e milhares de pássaros que já tem um cheiro natural ruim, somado aos milhões de excrementos que eles soltam sem parar! 😵
Se o vento estiver contra a costa (como estava), fica difícil mesmo curtir a praia! Além disso, a areia negra tem infinitas marcas de brancas de cocô de gannet! 😂
Mas os gannets não são os únicos bichos que existem em Muriwai... Olha só o que eu achei lá, relaxando ao lado dessa caverninha: uma foca! 😃
Por um acaso, a cereja do bolo foi a 3ª e última praia da AKL West Coast que eu visitei, já no 2º dia de 2019: Bethells. Geograficamente, ela fica entre as 2 anteriores, mas mesmo sendo próximas, essas praias não são conectadas e não há uma estrada litorânea; pra ir de uma até a outra, é preciso dar longas voltas de carro "por dentro", e por isso eu resolvi explorar só uma por vez, partindo de Auckland mesmo!
 Embora numa primeira vista Bethells possa não parecer tão impressionante (como na foto anterior), conforme se vai andando por essa extensa praia, a sua beleza começa a aparecer...
... E as coisas vão ficando cada vez mais interessantes!! Aquela caverna é a mesma onde tirei a 3ª foto do artigo, na ponta sul da praia...
... Essa é a visão que você tem quando vai entrando nela...
... E esse é o fim da linha! Apesar da caverna parecer bem grande por fora, por dentro ela não é tão profunda
Bethells acaba logo ali ao fundo, na caverna (que não está aparecendo na foto)... Mas depois do que aconteceu em Piha, é ÓBVIO que eu tinha que continuar andando pelas rochas e ver o que tinha depois delas!! 😁
O "caminho" é BEM mais longo e muito mais difícil e perigoso do que aquele que separa Piha de suas prainhas escondidas! Essa foto, que meu amigo tirou de mim na 2ª vez que fui em Bethells, 10 dias depois (coincidentemente com a mesma camiseta!), mostra um pouco disso; logo depois de virar à esquerda ali onde eu estou, o espaço pra passar fica bastante estreito e um vacilo pode ser fatal! Ter ido lá sozinho na 1ª vez foi meio louco, mas tudo é recompensado com a visão absolutamente SURREAL da foto que abre o artigo...
... Repetida nessa outra foto que meu amigo tirou!! Olha eu sozinho ali, como um náufrago! Hahaha 😃
Sem dúvida nenhuma, essa entrou pro meu "Top 5" de praias mais lindas do MUNDO!! 😃
A vizinha sem nome de Bethells é completamente cercada por rochas altas e íngremes, e não há trilhas pra lá...
... Isso a torna completamente isolada, e o acesso só é possível pelo mar ou então pelo caminho doido que eu fiz...
... Mas vai dizer que não valeu a pena?! Não tinha UMA alma viva lá além de mim!! 😃
Mais uma foto do tipo "posicionar a câmera em cima da mochila (nessa dá ate pra ver um pedaço dela)/programar o timer/sair correndo/fazer a pose"! Hahaha... Depois fiquei um bom tempo nesse mesmo lugar, curtindo o visual - mais uma vez - surreal, e aproveitando o isolamento total pra refletir e agradecer 🙏
Os dias estão bem longos por aqui nessa época, então mesmo já sendo umas 19h, fiz todo o caminho de volta da prainha escondida e ainda atravessei Bethells inteira, até a ponta norte - onde eu ainda não tinha ido e na qual fica essa rocha/ilha que, nesse dia, estava inacessível por causa da maré...
... Mas que eu consegui alcançar e até escalar parcialmente na 2ª vez, 10 dias depois! De lá, tirei essa foto do meu amigo, virada pra baía...
... Foi meu último dia em Auckland e eu fiz questão que a despedida fosse no lugar mais surreal (de novo) que eu conheci na região, então levei uns amigos que não o conheciam pra lá - a da foto estava no grupo... E nem preciso dizer o que eles acharam, né?! 😁



••• "Partiu Auckland"?! Então agora encontre AQUI a melhor opção para a sua HOSPEDAGEM na cidade! •••



Até a próxima viagem! =)

2 comentários:

  1. Caralho que fotos lindas! Quero muito visitar a NZ. Quem sabe em 2020!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Ricardo!! A NZ deve ser uma prioridade na lista de qualquer viajante! Abraços

      Excluir

Dúvidas, sugestões, críticas, elogios...? Participe comentando aqui! =)