sábado, 16 de fevereiro de 2019

DIRETO DA ESTRADA - A 1ª vez a gente nunca esquece (NOVA ZELÂNDIA)


Caros viajantes!

Já tá virando rotina iniciar os artigos explicando porque o blog não anda tão ativo como era antes, mas paciência! O fato é que eu percebi que, mesmo depois de instalado e adaptado à Nova Zelândia, 2 coisas não mudaram nem deverão mudar até o fim do meu longo período nesse país: uma é o número de horas que eu trabalho aqui (muito superior ao do Brasil), e a outra é que eu estou vivendo como um "nômade" - daqui a pouco já vou mudar pra minha 3ª cidade neozelandesa!
Com isso, no pouco tempo livre que me tem sobrado, eu tenho viajado por esse lugar tão incrível e único... E aí, a disponibilidade pra sentar e escrever todo um post novo é praticamente zero! Mas pelo menos, a quantidade (e qualidade) de material que estou acumulando pra colocar no blog futuramente é "assombrosa", e nosso Instagram e nosso Facebook sempre têm sido atualizados com novas fotos, vídeos e pequenos relatos! 😀

Portanto, se você nos acompanha, não estranhe esse intervalo maior que está havendo entre as postagens: é tudo por uma ótima causa, e mais pra frente as coisas voltarão ao normal - mesmo que demore um pouco! 😉

Dito isso, hoje vou falar da 1ª viagem "pra valer" que fiz dentro da NZ: a espetacular Península de Coromandel! 😃

A linda praia de Hahei, de onde sai a trilha pra mítica Cathedral Cove
"Pra valer" porque embora a West Coast, que foi abordada no artigo anterior, esteja um pouco afastada de Auckland (onde eu estava morando), ainda assim considera-se que ela fica na região metropolitana dessa cidade. Além disso, como eu também já havia contado naquele post, pra explorá-la, eu fiz "bate-voltas" a partir de AKL, indo e voltando no mesmo dia.
Desta vez, no entanto, foi diferente: peguei a estrada mesmo, dormi fora e finalmente, depois de 2 meses morando na NZ, pela 1ª vez eu vi o que os próprios nativos chamam de "real New Zealand": aquelas paisagens de filme (literalmente), com uma natureza exótica e exuberante, pelas quais o país é mundialmente famoso... BEM diferente do que se encontra em Auckland, que segundo as mesmas pessoas - e eu concordo com elas, "is just a big city"!

E não tinha como essa "1ª vez" não ser INESQUECÍVEL...

Aquela caverna ao fundo é a Cathedral Cove, que por ter duas saídas, acaba dividindo a paradisíaca praia de mesmo nome em duas! Tirei essa foto no lado norte, já no fim do dia e portanto sem quase ninguém - a menina de costas tinha viajado comigo

quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

DIRETO DA ESTRADA - O surrealismo praiano da West Coast (NOVA ZELÂNDIA)


Caros viajantes!

Até que enfim! Depois de 2,5 meses morando na Nova Zelândia, hoje estou publicando o 1º de vários artigos que ainda escreverei sobre esse país incrível - e de quebra, este também é o 1º post de 2019! 😃

Como eu já havia explicado antes, mudar de país não é fácil; muita coisa precisa ser providenciada, várias delas tomam bastante tempo, ocorrem imprevistos... E dar conta de tudo isso enquanto você já está trabalhando reduz seu tempo livre a quase zero! Assim, naturalmente acabei não conseguindo dar a atenção que gostaria para o blog (só nosso Instagram e nossa página no Facebook que têm sido mais atualizadas), e até o momento, eu tampouco consegui viajar muito por aqui...
Além disso, a verdade é que Auckland - a maior cidade da NZ e onde eu estava morando até muito recentemente (acabei de me mudar pra Tauranga) - é meio sem graça, e ainda possui algumas coisas desagradáveis... Curiosamente, 100% das pessoas que vão morar lá acham o mesmo! Tanto é que, se você buscar no Google, vai achar um monte de artigos do tipo "Auckland sucks", "Auckland is boring", etc...

No entanto, eu não diria que AKL, como é chamada, é uma decepção completa - e MUITO disso se deve graças às praias da sua SURREAL West Coast! 😃

Uma das prainhas PARADISÍACAS "escondidas" ao lado de Piha
Na verdade, trata-se duma área BEM afastada (mais de 40km do centro e impossível de chegar se você não tiver carro), que apenas fica no que é considerada a região metropolitana de Auckland, mas que já é completamente diferente da cidade em si! Até o mar é outro: enquanto as praias da zona urbana de AKL são banhadas pelo Oceano Pacífico, as da West Coast ficam viradas para o Mar da Tasmânia, que é bem mais agitado e por isso atrai muitos surfistas!

Entre o finzinho de 2018 e o comecinho de 2019, explorei 3 pontos diferentes dessa região específica, dedicando 1 dia a cada um deles, e ainda repeti o último num 4º dia, porque eu estava me mudando pra outra parte do país e, antes disso, queria ver de novo aquele foi o lugar mais sensacional que eu conheci em AKL... Mais detalhes adiante! 😁

Vários anos e países depois, "recriei" a foto dos perfis do CM no Instagram e no Facebook, que foi tirada no Big Sur (Califórnia - EUA)... Dessa vez, em Bethells - Nova Zelândia! Achei uma caverna no litoral, posicionei a câmera em cima da mochila, programei o timer dela, saí correndo e fiz a pose! 😂
Como este é um artigo com mais fotos do que o habitual, não vou ficar me prolongando muito no texto; então, aprecie as imagens e descubra mais sobre a West Coast de Auckland conferindo as legendas! 😉